“Nomeação de 2.884 profissionais vai reforçar a segurança do Noroeste”, diz Tião Medeiros

O deputado Tião Medeiros (PTB) comemorou nesta terça-feira (16) o reforço para a segurança pública do Estado, com a contratação de 2.884 profissionais da área. O governador Beto Richa nomeou, em solenidade realizada no Palácio Iguaçu, 2.212 policiais militares, 608 bombeiros militares e 64 delegados. “Os profissionais serão destinados para trabalhar em todas as regiões do Estado, com reflexos profundos para a segurança da população do Noroeste. Nossos municípios terão mais segurança”, disse Tião Medeiros durante o evento em Curitiba.

O governador Beto Richa afirmou que o reforço do contingente policial e das investigações reflete diretamente na diminuição dos índices de criminalidade. Com a nomeação, ultrapassa a marca de 10 mil policiais civis e militares contratados desde 2011. “Investimos na área de segurança pública ao longo de toda a gestão. Contratamos mais policiais, compramos novas viaturas e equipamentos mais modernos e garantimos condições de trabalho mais adequadas aos policiais e ao planejamento de segurança em todo o Estado”, afirmou o governador.

O aumento do efetivo das forças de segurança faz parte do Paraná Seguro, programa estratégico do governo estadual, implantado em 2011, que reúne o maior investimento em segurança pública da história do Estado. Além da contratação dos profissionais, foram adquiridas 1.500 novas viaturas e novos equipamentos para melhor aparelhar a polícia. O programa também inclui investimentos em inteligência e operações sistemáticas da polícia para apreensão de drogas e prisão de traficantes.

Os bombeiros e policiais militares passaram em concurso público feito em 2013, no qual mais de 120 mil pessoas se inscreveram. Eles foram convocados em dezembro de 2015. Agora nomeados, iniciam até o final deste mês o Curso de Formação de Soldados em cinco diferentes regiões do Estado.

De acordo com a Polícia Civil, com esta nomeação, as contratações feitas pelo governo formam 40% dos profissionais da corporação. Os novos delegados fazem parte da segunda turma do concurso convocada pelo governador. Em junho de 2014, Richa chamou outros 66 delegados.

As cidades para as quais serão designados os 64 novos delegados serão definidas pela Polícia Civil, assim como o início do curso e a carga horária na Escola Superior da Polícia Civil. Os profissionais irão reforçar as delegacias especializadas da capital, as Delegacias da Mulher e as subdivisões policiais no interior do Estado.

Com informações da Agência de Notícias do Paraná

LEIA MAIS

   16 de fevereiro de 2016

29 municípios da região Noroeste recebem R$ 6,7 milhões para investimentos na área da saúde

Tamboara

São Tomé

São Carlos do Ivaí

São Manoel do Paraná

Alto Paraná

Tapira

Paraíso do Norte

São João do Caiuá

Santo Antônio do Caiuá

Itaúna do Sul

Terra Rica

Palotina

Santa Isabel do Ivaí

Loanda

Terra Boa

Marilena

 

O deputado estadual Tião Medeiros (PTB) comemorou a destinação de R$ 6,7 milhões para a área da saúde de 29 municípios da região Noroeste. As ações incluem o aumento de repasses para a atenção primária dos municípios; construção, ampliação, reformas e aquisição de equipamentos para unidades de saúde; incentivo para a compra de equipamentos para o programa Mãe Paranaense; entrega de ambulâncias e veículos para o transporte sanitário e novos convênios com os hospitais municipais, particulares e filantrópicos.

Os recursos fazem parte de um pacote anunciando pela governadora Cida Borghetti nesta segunda-feira (25), em Curitiba, repassando R$ 323 milhões em ações para a saúde nas 399 cidades paranaense. Na região Noroeste, foram beneficiados os municípios de Alto Paraná, Diamante do Norte, Itaguajé, Itaúna do Sul, Ivaté, Jardim Olinda, Loanda, Maria Helena, Marilena, Nova Esperança, Nova Londrina, Palotina, Paraíso do Norte, Paranavaí, Planaltina do Paraná, Porto Rico, Querência do Norte, Santa Inês, Santa Isabel do Ivaí, Santo Antônio do Caiuá, São Carlos do Ivaí, São João do Caiuá, São Manoel do Paraná, São Tomé, Tamboara, Tapejara, Tapira, Terra Boa e Terra Rica.

Para Tião Medeiros, a saúde é uma área que merece uma atenção especial. “Estamos tratando da vida das pessoas, então devemos ter muito cuidado e respeito pela população”, disse. “Sabemos as demandas que os municípios apresentam. Por isso, temos buscado parcerias em todas as esferas”, completou.

Cida afirmou que os investimentos na área da saúde impactam na qualidade de vida de toda a população paranaense. “Investir em prevenção e na atenção primária é a maneira mais rápida e prática de salvar vidas. Por isso o Estado investe na regionalização da saúde, firmando convênios diretamente com os municípios”, afirmou a governadora.

 

Veja aonde serão investidos os recursos:

Alto Paraná: R$ 120 mil para transporte sanitário, R$ 131 mil para ambulância, R$ 12 mil para atenção primária e saúde bucal.

Diamante do Norte: R$ 102 mil para aquisição de equipamentos para o Hospital Municipal Emília Francisca de Souza e R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Itaguajé: R$ 250 mil para ampliação de Unidade Básica de Saúde e R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Itaúna do Sul: R$ 115 mil para equipamentos para Unidade Básica de Saúde, R$ 131 mil para ambulância, R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Ivaté: R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Jardim Olinda: R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Loanda: R$ 230 mil para equipamentos para Unidade Básica de Saúde, R$ 9 mil para atenção primária e saúde bucal e R$ 6,5 mil/mês para contrato com Crecis.

Maria Helena: R$ 9 mil para atenção primária e saúde bucal.

Marilena: R$ 120 mil para transporte sanitário e R$ 7 mil para atenção primária e saúde bucal.

Nova Esperança: R$ 480 mil para transporte sanitário, R$ 230 mil para equipamentos para Unidade Básica de Saúde e R$ 10 mil para atenção primária e saúde bucal.

Nova Londrina: R$ 150 mil para reforma de Unidade Básica de Saúde, R$ 120 mil para transporte sanitário, R$ 131 mil para ambulância e R$ 11 mil para atenção primária e saúde bucal.

Palotina: R$ 131 mil para aquisição de ambulância e R$ 8 mil para atenção primária e saúde bucal.

Paraíso do Norte: R$ 250 mil para ampliação de Unidade Básica de Saúde, R$ 115 mil para equipamentos para Unidade Básica de Saúde e R$ 8 mil para atenção primária e saúde bucal.

Paranavaí: R$ 600 mil para construção de Unidade Básica de Saúde, R$ 116 mil para reforma de Unidade Básica de Saúde, R$ 296 mil para obras da Amunpar e R$ 21 mil para atenção primária e saúde bucal.

Planaltina do Paraná: R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Porto Rico: R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Querência do Norte: R$ 287 mil para aquisição de equipamentos para o Hospital Municipal Setembrino Zago, R$ 200 mil para construção de unidade rural, R$ 250 mil para ampliação de Unidade Básica de Saúde, R$ 131 mil para aquisição de ambulância e R$ 10 mil para atenção primária e saúde bucal.

Santa Inês: R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Santa Isabel do Ivaí: R$ 8 mil para atenção primária e saúde bucal.

Santo Antônio do Caiuá: R$ 115 mil para equipamentos de Unidade Básica de Saúde, R$ 131 mil para ambulância e R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

São Carlos do Ivaí: R$ 120 mil para transporte sanitário e R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

São João do Caiuá: R$ 115 mil para aquisição de equipamentos para Unidade Básica de Saúde e R$ 14 mil para atenção primária e saúde bucal.

São Manoel do Paraná: R$ 115 mil para equipamentos para Unidade Básica de Saúde, R$ 131 mil para ambulância e R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

São Tomé: R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Tamboara: R$ 150 mil para reforma de Unidade Básica de Saúde e R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Tapejara: R$ 140 mil para equipamentos laboratoriais e R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Tapira: R$ 230 mil para equipamentos para Unidade Básica de Saúde e R$ 5 mil para atenção primária e saúde bucal.

Terra Boa: 150 mil para reforma de Unidade Básica de Saúde, R$ 131 mil para ambulância e R$ 21 mil para atenção primária e saúde bucal.

Terra Rica: R$ 120 mil para transporte sanitário, R$ 131 mil para ambulância e R$ 10 mil para atenção primária e saúde bucal.

LEIA MAIS

   25 de junho de 2018

ALEP aprova emenda de Tião Medeiros e mantém isenção de ITCMD para pequenas propriedades rurais

 

A Assembleia Legislativa do Paraná aprovou nesta terça-feira (30) a emenda de autoria do deputado Tião Medeiros (PTB) que mantém a isenção do Imposto sobre a Transmissão Causa Mortis e Doações de Quaisquer Bens ou Direitos (ITCMD) para pequenas propriedades de até 25 hectares. A emenda do deputado foi uma das 18 aprovadas no projeto de Lei nº 662/15, que trata da criação do Fundo Estadual de Combate à Pobreza e estabelece novas medidas de ajuste fiscal no Paraná.

A emenda mantém no texto o inciso II, do Artigo 4° da Lei 8.927/1988, que dispensa “o pagamento do imposto quando ocorrer a aquisição, por transmissão ‘causa mortis’ de imóvel rural com área não superior a vinte e cinco hectares, de cuja exploração do solo depende o sustento da família do herdeiro ou do cônjuge supérstite a que tenha cabido partilha desde que outro não possua”.

Na sessão ordinária, o substitutivo geral que altera o texto original passou com 34 votos favoráveis e 16 contrários. Foram ainda votadas as 44 emendas apresentadas por diversos deputados propondo alterações a vários dispositivos do projeto e do próprio substitutivo. Destas, 18 emendas foram acatadas, enquanto 26 foram rejeitadas. Em sessão extraordinária, a matéria foi submetida à terceira discussão, recebendo 33 votos a favor e 16 contrários.

“O texto original do projeto retirava este benefício. Batalhamos para que este fosse mantido. Conseguimos evitar que mais um imposto fosse cobrado desta parcela da população. Os pequenos produtores não poderiam ser prejudicados”, diz Tião Medeiros.

LEIA MAIS

   30 de setembro de 2015

ALEP aprova projeto de Tião Medeiros que determina bloqueio de aparelhos celulares em caso de roubo ou furto

A Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP) aprovou nesta quarta-feira (16) a redação final dos projetos de Lei 226/2015 e 229/2015, de autoria dos deputados Tião Medeiros e Felipe Francischini, que dispõe sobre a obrigatoriedade de bloqueio de aparelhos celulares nos casos de comunicação de furto ou roubo. De acordo com os projetos, as operadoras de telefonia celular com atividade no Estado do Paraná ficam obrigadas a realizar o bloqueio de aparelhos celulares mediante comunicado da Polícia Civil. O objetivo é inibir a utilização de celulares para atividades criminosas e o comércio ilegal de aparelhos furtados ou roubados. A matéria segue para sanção do governador Beto Richa.

Os projetos preveem o bloqueio do International Mobile Equipment Identity (IMEI) após realização de Boletim de Ocorrência e a proibição da comercialização de aparelhos de desbloqueio de IMEI. Os IMEI´s são como “documentos de identidade” dos aparelhos. Uma vez bloqueados, impedem o funcionamento e comercialização do celular no mercado ilegal.

Para Tião Medeiros, a dificuldade em inutilizar celulares roubados e furtados é considerada como um dos facilitadores da prática de crimes. “Com a legislação atual, somente quem tinha um celular roubado podia pedir às operadoras o bloqueio. Geralmente, só é solicitado o bloqueio do chip e não do IMEI. Agora, com a aprovação, vamos inibir na prática a comercialização de aparelhos oriundos de furtos e roubos”, afirma o deputado.

O texto determina ainda que a autoridade policial comunique as operadoras de telefonia celular, no prazo de 24 horas do registro de furto ou roubo, e requisite o bloqueio do aparelho celular diretamente à operadora de telefonia móvel. O bloqueio deverá ser realizado em até 12 horas da comunicação e informado pela operadora de telefonia móvel a Secretaria de Segurança Pública.

LEIA MAIS

   16 de dezembro de 2015

Alep aprova projeto de Tião Medeiros que obriga apresentação da carteira de vacinação no ato da matrícula escolar

A Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) aprovou nesta semana em primeira e segunda discussão o projeto de Lei, de autoria do deputado Tião Medeiros (PTB), que dispõe sobre a obrigatoriedade da apresentação da carteira de vacinação dos alunos de até 18 anos no ato de suas matrículas. A Lei vale para matrículas em escolas da rede pública ou particular que ofereçam Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. A proposta tem como objetivo garantir o princípio da proteção integral à criança e ao adolescente e dar a máxima efetividade ao Programa de Imunização do Estado do Paraná.

“Com o projeto, queremos ampliar a obrigação dos pais com a vacinação, resguardando os direitos fundamentais das crianças e adolescentes a uma qualidade de vida sadia. Visamos fortalecer a necessidade de vacinação, como por exemplo do HPV. Esta é uma vacina obrigatória e gratuita, porém com baixos índices de adesão”, explicou o deputado.

O texto determina que a carteira de vacinação deverá estar atualizada, contendo os atestados de todas as vacinas consideradas obrigatórias de acordo com o Calendário de Vacinação da Criança e Calendário de Vacinação do Adolescente, do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde do Estado.

Segundo o projeto, será dispensado da vacinação obrigatória o aluno que apresentar atestado médico de contraindicação explícita da aplicação da vacina. A falta de apresentação do documento ou a constatação da falta de alguma das vacinas consideradas obrigatórias não impossibilitará a matrícula. No entanto, a situação deverá ser regularizada em um prazo máximo de 30 trinta dias pelo responsável sob pena de comunicação imediata ao Conselho Tutelar para providências.

 

LEIA MAIS

   17 de maio de 2018

ALEP aprova título de utilidade pública para associação de Alto Paraná

A Assembleia Legislativa do Paraná aprovou nesta segunda-feira (07), em segunda discussão, o projeto de Lei de autoria do deputado Tião Medeiros (PTB) que concede o Título de Utilidade Pública a Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (APAC), em Alto Paraná. A entidade auxilia autoridades dos Poderes Judiciário e Executivo a gerenciar a execução penal, prestando atendimento e assessoramento a presos condenados que poderão ser transferidos para o Centro de Reintegração Social (CRS).

De acordo com Tião Medeiros, a importância da entidade justifica a indicação para o título. “As ações da APAC têm como objetivo a recuperação e reintegração social do condenado, e, em uma perspectiva mais ampla, a promoção da justiça e o socorro às vítimas”, explica o deputado.

Na opinião do parlamentar, a entidade figura como forma alternativa ao modelo prisional tradicional, promovendo a humanização da pena de prisão e a valorização do ser humano, oferecendo ao condenado condições de se recuperar.

O projeto segue para redação final antes de ir para sanção do governador Beto Richa. A Lei entra em vigor na data de sua publicação.

LEIA MAIS

   7 de março de 2016

Alto Paraná recebe R$ 600 mil para construção de uma Unidade Básica de Saúde

O deputado estadual Tião Medeiros (PTB) comemorou a liberação de recursos para construção de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) no município de Alto Paraná. Serão investidos R$ 600 mil na UBS solicitada pelo deputado. A obra será realizada na comunidade Santa Terezinha. Além de Alto Paraná, serão destinados recursos para a área da saúde dos municípios de São Tomé, Tapejara, Nova Londrina e Palotina.

Os convênios foram assinados nesta terça-feira (05) pela governadora Cida Borghetti durante solenidade no Palácio Iguaçu, em Curitiba. Na oportunidade, a governadora assinou 77 convênios e contratos para ampliação dos serviços na área da saúde em 69 municípios do Estado. O valor soma R$ 100 milhões.

A UBS visa promover e proteger a saúde, a prevenção de agravos, o diagnóstico, o tratamento, a reabilitação, a redução de danos e a manutenção da saúde. O objetivo é de desenvolver uma atenção integral que impacte na situação de saúde e autonomia das pessoas.

Para o deputado, esta é uma conquista importante para os moradores do município. “A unidade será instalada perto de onde as pessoas estão, onde moram e trabalham. Com isso, desempenha um papel central na garantia de acesso à população a uma atenção à saúde de qualidade”, disse.

Mais investimentos

São Tomé vai receber R$ 653 mil para ampliação da UBS Dona Tereza Garcia. Já Tapejara vai receber R$ 156 mil para investimentos em equipamentos para o laboratório municipal de análises clínicas. Nova Londrina investirá R$ 150 mil para construção de uma UBS. Por fim, Palotina receberá R$ 276 para compra de equipamentos para o hospital municipal.

Para Cida, esses repasses demonstram o compromisso do Governo do Estado com os paranaenses. “A saúde é um direito do cidadão e não tenho dúvida que é um dever do Estado levar qualidade de vida e bem-estar a toda a população do Paraná”, disse ela.

LEIA MAIS

   5 de junho de 2018

Alto Paraná recebe recursos para ampliar sistema de abastecimento de água

Alto Paraná vai ampliar o sistema de abastecimento de água com a operacionalização e interligação de poço à adutora existente.  O investimento foi confirmado nesta quarta-feira (09), em Curitiba, durante o anúncio de um pacote de obras realizadas pela Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). Serão investidos R$ 322 mil no município.

O deputado Tião Medeiros (PTB), que representa Alto Paraná na Assembleia Legislativa, acompanhou a autorização feita pelo governador Beto Richa. “Os investimentos em saneamento refletem na saúde da população, evitando, por exemplo, a proliferação de doenças. A ampliação do sistema em Alto Paraná vai melhorar a qualidade de vida das famílias”, disse o deputado.

O pacote de obras da Sanepar, com ampliação de sistemas de abastecimento de água e de esgoto, atinge 48 municípios paranaenses. Os investimentos somam R$ 52,7 milhões.

O governador afirmou que com a atuação da Sanepar o índice de saneamento do Paraná passou de 42%, em 2010, para os atuais 67%. “Uma das metas de nosso governo é avançar os índices de saneamento do Estado. Tínhamos um grande déficit nesta área”, completou.

LEIA MAIS

   9 de março de 2016

Alto Paraná vai ganhar uma Unidade Básica de Saúde

O deputado estadual Tião Medeiros (PTB) comemorou a confirmação de construção de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) no município de Alto Paraná. Serão investidos R$ 680 mil na UBS solicitada pelo deputado. A obra será realizada na comunidade Santa Terezinha.

A UBS visa promover e proteger a saúde, a prevenção de agravos, o diagnóstico, o tratamento, a reabilitação, a redução de danos e a manutenção da saúde. O objetivo é de desenvolver uma atenção integral que impacte na situação de saúde e autonomia das pessoas.

Para o deputado, esta é uma conquista importante para os moradores do município. “A unidade será instalada perto de onde as pessoas estão, onde moram e trabalham.Com isso, desempenha um papel central na garantia de acesso à população a uma atenção à saúde de qualidade”, disse.

Na UBS, é possível receber atendimentos básicos e gratuitos em Pediatria, Ginecologia, Clínica Geral, Enfermagem e Odontologia. Os principais serviços oferecidos são consultas médicas, inalações, injeções, curativos, vacinas, coleta de exames laboratoriais, tratamento odontológico, encaminhamentos para especialidades e fornecimento de medicação básica.

LEIA MAIS

   24 de novembro de 2017

Anúncio de R$ 30 milhões para estrada entre Porto Rico e Porto São José vai beneficiar população, diz Tião Medeiros

O deputado estadual Tião Medeiros (PTB) afirmou que o anúncio da destinação de R$ 30,5 milhões para obras na estrada Beira Rio, entre Porto Rico e o distrito de Porto São José, em São Pedro do Paraná, vai trazer desenvolvimento e beneficiar os moradores da região. Os recursos foram anunciados pelo governador Beto Richa nesta segunda-feira (12) durante evento em Curitiba. Na região será construída a PR-691 – Estrada Beira Rio em um trecho de pavimentação de 9,4 quilômetros.

Tião Medeiros vem trabalhando nesta demanda desde 2015. “É mais um sonho que trabalhamos muito para se tornar realidade. Quando iniciamos nosso mandato, demos entrada no pedido de pavimentação junto ao DER. Agora esta reivindicação antiga da população sai do papel para atender quem trafega pela região”, diz Tião Medeiros.

Para o deputado, a pavimentação do trecho vai levar mais desenvolvimento e fomento ao turismo da região. O governador concordou. “As obras de pavimentação da BR-691 beneficiam o crescimento turístico da região Noroeste”, explicou Richa.

O DER também lançou a licitação da ponte sobre o Ribeirão São Pedro. A obra será executada em um trecho de 45 metros e serão investidos R$ 1,6 milhão.

No total, o governador Beto Richa confirmou R$ 220 milhões para obras em estradas do Paraná. Os recursos serão aplicados ainda na PR-092 (Rodovia dos Minérios), na Região Metropolitana de Curitiba, e na PRC-466, em Guarapuava (região central do Estado). As obras integram o Programa Rotas de Desenvolvimento, do governo estadual, e serão financiadas pelo Banco do Brasil.

*imagem ilustrativa

LEIA MAIS

   13 de junho de 2017


FORMULÁRIO

Site oficial

Deputado Estadual Tião Medeiros. Para maiores informações entre em contato conosco por nossos canais de comunicação.

Endereço

Praça Nossa Senhora da Salete, s/n

Gabinete 502 - 5° andar
CEP: 80530-911

Fone: (41) 3350-4252